sexta-feira, 19 de junho de 2009

.'No better and no worse..'


Melancolia é uma coisa engraçada.. Não me faz rir com toda aquela vontade que uma boa piada faz, mas rir aquela risadinha desgostosa de quem demorou anos pra descobrir algo que estava embaixo do seu nariz todo o tempo.. Apatia também me faz rir assim. Deve ser prima da tal primeira.. Talvez essa risadinha seja porque descobri que sentir apatia é tão inútil quanto a coisa mais inútil dessa vida. Melancolia atrasa, traz pra baixo, dá preguiça e me impede de rir das besteiras que gosto de dizer. Apatia me impede de sentir aquele sabor doce que têm todas as manhãs, sejam as de sol ou as de chuva, de sentir aquele sabor amargo de uma tristeza nem tão profunda assim, mas que só vem pra nos mostrar que estamos vivos.. Melancolia faz enxergar que nem cachorro. Tudo preto e branco, no dia mais colorido do ano. Gosto de preto e branco, quase sempre. Gosto de melancolia, quase nunca. Mas mesmo tendo tantas desvantagens, de vez em quando, como o quase nunca, gosto de sentí-las. Não em momentos nos quais senti-las seria uma enorme idiotisse, mas naqueles que me vejo sozinha de mim, e posso sentir todo o peso do mundo levitar sobre o meu corpo. Só naqueles que posso pôr uma música no último volume e interpretá-la da forma que eu quiser, que ninguém vai se meter. Só naqueles quando não se tem mais nada pra sentir. Quando todo o furacão se foi, e vem a calmaria..

3 comentários:

CArina CAmila disse...

Não me faz rir com toda aquela vontade que uma boa piada faz, mas rir aquela risadinha desgostosa de quem demorou anos pra descobrir algo que estava embaixo do seu nariz todo o tempo..

Depois sou eu quem brinco com as palavras.

Ana.
Não gosto de melancolia..
mas acho que sou bem melancólica. =/

Paulo Monfort disse...

Eu também "Gosto de melancolia, quase nunca." rsrsr

gostei do que li...
vou ler tudo agora... rsr

Cinalli disse...

Melancolia me define em todos os meus extremos... é um de meus 'dons' que de nada me servem a não ser para dar vontade de escrever... até mesmo qndo faço arrancar um sorriso alheio, contando uma piada, essa tal se define nas entrelinhas ou mesmo no vácuo entre um riso e outro. É até nome de um de meus discos favoritos...